Aulas de Tecnologia

“Para que ocorra aprendizagem é necessário que o aluno interaja com o objeto de conhecimento.”

Esta é uma afirmação teórica que permeia o trabalho, dentro de uma linha pedagógica chamada de construtivismo. Isto significa afirmarmos que a criança aprende quando tem a possibilidade de experimentar, falar, discutir, pesquisar, enfim, interagir com aquilo que busca conhecer.

Dentro das aulas de tecnologia propiciamos que o aluno se encontre frente a dois desafios: o primeiro, em relação à máquina – ele precisa dominá-la para poder interagir com ela, e quanto mais ele interagir com ela, mais irá dominá-la. O segundo desafio é proposto pelo software, ou seja, utilizamos programas educacionais que trabalham com os conteúdos formais (conteúdos pedagógicos da Escola).

Assim, a partir do desafio de um programa educativo, o aluno aprende a lidar com o computador como um instrumento que lhe possibilite ampliar seus conhecimentos. Observamos que, além de as crianças utilizarem o computador como uma ferramenta de trabalho, vão aos poucos dominando a linguagem da tecnologia. Percebemos que palavras com: mouse, enter, barra de espaço, etc, passam a fazer parte do universo vocabular das crianças, o que significa que pouco a pouco vão dominando esta nova tecnologia.

Os programas são cuidadosamente selecionados para cada série, e envolvem sempre conteúdos trabalhados nas diferentes áreas de ensino.

Os conteúdos do Fundamental II e Médio são trabalhados através de projetos educacionais, onde os alunos tem acesso a softwares e aplicativos das mais diversas funções. Aprendem a trabalhar e modificar imagens, criar documentos com os pacotes de escritório, navegar de forma segura, fazer pesquisas de forma consciente e coerente, elaborar diversos tipos de arquivos e documentos, lidar com as mais diversas ferramentas midiáticas e ainda tem aulas de hardware.

Os comentários estão desativados.